POEMAS DO NICODEMOS

Aqui você encontra um pouco do meu pensamento e sentimento. São garrafas lançadas ao mar virtual, na espectativa do encontro com outros sobreviventes... Palavras que buscam evidenciar, veladamente, o È.

5.2.10

o relógio da casa
da minha tia
batia
batia...

minha infância
era tranquila

segundo me lembro
não havia ponteiro de
segundos

Nenhum comentário:

Postar um comentário